terça-feira, 16 de abril de 2013

E se o Correio não entregar, fica gravado aqui.


Amor, a princípio sei que irá se assustar ao ler essa carta, afinal moramos tão perto ou então eu poderia usufruir até mesmo da tecnologia ao te enviar um e-mail ou então uma mensagem no whatsapp. É que a carta me soa como algo mais real uma vez que você poderá segurá-la enquanto dorme sabendo que ela carrega todas as energias que meus dedos estão transmitindo no momento em que a ti escrevo. Esse borrado de caneta é a lágrima que escapou de leve pelos meus olhos e sabe, amor... Essa gota já não é mais de dor. Tampouco essa carta. Ela é apenas para despertar sua consciência para a realidade de que ainda amo a ti. Agora de manso, sem cobranças. A saudade do seu abraço se esparrama, deita e rola na minha alma que suspira boas energias a ti, todo dia que raia. Toda noite que brota no céu. Toda nuvem que se forma. Toda chuva que se torna.
Assim eu mergulho e me molho nesse mar de certezas. Uma certeza que tive após um Anjo Iluminado sussurrar para mim: "O que é seu está guardado ali, como numa caixinha. O momento não é propício para se prender e sim para alçar voo aos céus, por isso boneca, voe... Ame! O amor em si é sublime, é equilíbrio e só faz bem." e é por isso menina que toda noite fecho os meus olhos molhados de saudade, sorrio ao pensar no seu sorrir e digo baixinho, ao pedir que tu me escute: Obrigada, obrigada, obrigada!

17 comentários:

  1. Lê, eu adoro seus textos. Tava comentando com meu namorado como você é boa nisso. Mas UAU, você é LINDA Letícia. Adorei suas duas tattos, e achei você super sexy. HAHAHA

    Sobre o texto... Eu tinha costume de escrever cartas, mas atualmente a preguiça é bem maior que eu. Ótimo dia Lê. Um beijo :*

    ResponderExcluir
  2. Sou nada folgada, é só um favorzinho de nada xD
    Apaguei seu comentário porque continha o meu nome e não é suposto ninguém saber.

    Mais um lindo texto, claro. Cada vez me encanto mais lendo suas palavras menina :)
    Um beijo de bom dia*

    ResponderExcluir
  3. O título
    O texto
    Tudo muito tocante
    Como a chegada de uma carta com as letras de quem se ama.

    ResponderExcluir
  4. Oii Leh, me adc aqui no email pra gente conversar em relação ao seu lay..
    camycolossi@hotmail.com

    Bjinhoos ;*

    ResponderExcluir
  5. Que maravilhosa encontrar um blog assim nessa blogosfera, encontrei poucos como o meu, só de textos rs.
    Adorei os seus textos (fiquei algum tempo aqui para lê-los) e são muito muito bons! Parabéns!
    Lógico, já estou seguindo! :)

    miragem-real.blgospot.com.bt

    ResponderExcluir
  6. A carta que vaga, nunca é vaga. É relevante.
    Letra que se escreve e não digita é a verdade que vence o tempo. É o sentimento vivo, analógico, puro.

    Você teve aqui uma sensibilidade implacável.

    ResponderExcluir
  7. Essa é a carta mais linda que já li.
    Mesmo que as vezes o amor magoe, e faça sofre é sempre bom saber que é amado.

    ResponderExcluir
  8. Maravilhosa! O agradecimento talvez seja a maior forma de amor. Amar é devolver.

    ResponderExcluir
  9. Acho que quando se trata de escrever pra alguém, não há meio melhor do que a velha carta. O amor já está presente antes de qualquer palavra escrita: na escolha do papel, da caneta e depois em todo o processo de escrever, reescrever, rasgar a folha e começar tudo de novo.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  10. esse foi um dos textos mais lindos já publicados aqui! *.*

    abraços!

    http://princessandfashion.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Lindo demais! E a parte mais bonita foi a da caneta, dos borrões :~~~~~

    ResponderExcluir
  12. A pessoa visita o blog pela primeira vez e dá de cara com um texto desses? "O que é seu está guardado ali, como numa caixinha. O momento não é propício para se prender e sim para alçar voo aos céus, por isso boneca, voe... Ame! O amor em si é sublime, é equilíbrio e só faz bem."
    Adorei essa parte e super tem a ver com a minha vida nesse momento. Parabéns pelo texto maravilhoso.

    Beijos :)

    ResponderExcluir
  13. Eu sempre quis escrever um CARTA, exatamente como essa para a pessoa que eu amo, mas tenho medo da reação.

    ResponderExcluir
  14. Adoro cartas, adoro escrever cartas. Não mando e-mail, se este não for corporativo. Não há sentimentos em papéis impressos, que me desculpem aqueles que possuem a preguiça de escrever a mão.

    Por fim, belo texto mocinha!

    ResponderExcluir
  15. Adoro pessoas que escrevem com alma ... Texto muito bonito Lê, sua sensibilidade é fascinante. Parabéns

    ResponderExcluir
  16. A maravilha das cartas de amor. É tanta doçura que contagia quem lê. Seus textos são sempre muito bonitos, me encantam de verdade.

    Beijão, Lê.

    semprovas.blogspot.com | eraoutravezamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Fantástico!! Quantos de nos ainda precisamos dessa maturidade...

    ResponderExcluir