domingo, 16 de dezembro de 2012

Da alma ao corpo material.


Por tantos dias consecutivos andei a pensar no que poderíamos fazer em algum domingo em que estivéssemos com total disponibilidade para trocar olhares extasiados. Passam em minha mente várias ideias que saltam feito erupção vulcânica e todas elas me queimam a face devido a falta de pudor que contêm suas entrelinhas.
Linhas largas que a gente pode ir costurando feito poesia lenta e bela dessas que não se lê, se proclama!
Dê-me o prazer de lhe servir uma taça de vinho em meu apartamento, acompanhada de carícias amorosas em seu corpo nu.
Realiza meu fetiche, faz Strip Tease.
Desliza a língua no meu pescoço e desça sem hesitar... Nossa, como você me excita! 
Garota, vá com calma: Esfrega com o corpo mas sinta com a alma. 
A noite que se faz só sinto o sopro da paz.
Somos duas loucas perdidas nessa cidade bandida, estar com você, meu bem, é golpe suicida!


14 comentários:

  1. Letícia, essas sutilezas sugerem paixão...oh, como é bom! um psiquiatra chamou de libido até o amor q a mãe sente pelo filho...sim, sentimentos a flor da pele são bem vindos e emocionantes! quero uma bela aventura p disparar meu coraçao! mil beijos!

    ResponderExcluir
  2. Sentir com a alma,
    não haveria melhor recomendação.

    ResponderExcluir
  3. Bom mesmo é sentir assim,
    completamente.


    Adorei teu espaço,
    parabéns, desde a descrição no perfil, tudo é exatamente perfeito.

    Jhosy
    http://meninamsicaeflor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adorei! gosto do modo como vc trabalha a sensualidade na escrita.
    abraços!

    ResponderExcluir
  5. Viva sem medo!
    Amei. Eu simplesmente amei.

    ResponderExcluir
  6. Letícia do céu se os seus prazeres entre quatro paredes forem tão altos e sonoros como a sua escrita você - e suas companheiras! - passam pra lá de beeem!
    rs


    Beijoca

    ResponderExcluir
  7. Olá, Letícia!

    Adorei o texto, você trabalhou com a sensualidade de uma forma muito intensa e poética!

    Beijão! :*

    ResponderExcluir
  8. Toda aquela sensação descrita em palavras! Muito lindo!!

    ResponderExcluir
  9. UAU! Gostei da forma como você brincou com a sensualidade.

    osonhodeumaflauta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Letícia, alguma vez eu já disse que você é incrível?!
    É do tipo de texto que leio e releio e leio de novo e releio mais e mais vezes para extrair cada sílaba poética que você imprime com suas mãos nos corações dos seus leitores.

    Lindo, simplesmente.

    ResponderExcluir
  11. A sua escrita é um charme.
    Você consegue pôr me a imaginar os gestos que tão bem descreve. Tão ousados e cheios de delicadeza.
    Dá vontade de ser um louca também.

    ResponderExcluir